Quando vamos falar de atividade física, não há dúvidas que ela só nos traz benefícios. O corpo humano atinge o pico de crescimento em torno dos 18 anos de idade. Há casos que durante o aumento da atividade física pessoas de 20 entre 30 anos tiveram a possibilidade do aumento da densidade óssea e da diminuição de fraturas a longo prazo.

Pessoas portadoras de osteoporose não só podem como devem praticar atividades físicas, porém é necessário que essas atividades sejam acompanhadas por um profissional. Faz parte do tratamento a prática de atividade física, ter uma alimentação adequada e hábitos saudáveis, essas medidas podem manter e até mesmo possibilitar o ganho de massa óssea.

Por isso fizemos uma lista de 5 exercícios que deixam os ossos mais fortes, confira só:

     • Caminhada

Caminhar ajuda a aumentar a densidade óssea, o que fortalece os ossos. Além disso, também ajuda a melhorar o equilíbrio e a coordenação motora, diminuindo, assim, o risco de quedas e, consequentemente, fraturas.

• Dança

A dança ajuda a retardar a perda mineral óssea, trabalhando principalmente os ossos das pernas, quadril e coluna. Se feita regularmente, a atividade também ajuda a melhorar a resistência e a aptidão motora.

• Musculação

A prática da musculação possibilita um aumento na densidade óssea e maior ganho de massa muscular, protegendo os ossos.

• Corrida

O impacto do corpo no solo durante o exercício ajuda a aumentar a resistência dos ossos. De acordo com estudiosos das universidades de Exeter e Leicester, do Reino Unido, 60 segundos de corrida por dia, em um ritmo moderado-intenso, já consegue trazer benefícios à nossa saúde dos ossos.

• Tênis

Jogar tênis regulamente ajuda a diminuir a taxa de perda de massa óssea. O esporte também exige a coordenação de todo o corpo, o que estimula o desenvolvimento de flexibilidade, coordenação, equilíbrio e força muscular.

CategoryDicas
Todos os Direitos Reservados © 2017 Athletics Sports desenvolvido por: E-Consulters Web