“Você é o que você come”, apesar da frase ser bastante impactante, devemos tratar este tema como o máximo de atenção tendo em vista que os dados mundiais mostram que cerca de 11 milhões de mortes por ano estão ligadas à alimentação inadequada; e o impacto econômico chega a dois trilhões de dólares por ano – ou quase 3% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial.

Uma pesquisa feita pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), em parceria com o Ministério da Saúde, mostra que adolescentes seguem uma dieta de alto risco para problemas cardiovasculares, renais e obesidade.”
O que ocorre dentro dos adolescentes é um grave e extenso problema, o refrigerante é o sexto alimento mais consumido, apenas metade toma mais de 5 copos de água por dia, 80% consomem sódio em excesso.

O padrão de alimentação nos adultos é ainda mais desanimador
Estudo feito por telefone com moradores com mais de 18 anos das capitais do País mostra que 19% dos brasileiros têm o hábito de consumir refrigerantes e sucos artificiais e 20% consomem doces 5 vezes por semana ou mais.

No final de semana muitas pessoas procuram sair para aproveitar ou se divertir e claro, é neste momento que elas têm de tomar cuidado mais do que nunca, normalmente os lugares mais frequentados são boates, bares, shoppings, bosques e etc.
E grande parte desses locais fornecem alimentos muito ricos em sódio, já que além da quantidade de consumo durante o meio da semana, a quantidade que chega a ser consumida no final chega a ser equivalente.

“O sódio em excesso aumenta a retenção de água nas células e nos tecidos e aumenta também o inchaço e o risco de pressão arterial elevada. A pressão arterial alta aumenta ainda mais os riscos de doenças cardiovasculares e o risco de morte”. O excesso de sódio ainda compromete a obesidade e a diabetes, de acordo com Karin.

Fora o consumo do álcool que mesmo em pequenas quantidades pode ser altamente prejudicial dependendo da pessoa que o consome. O álcool também engorda, incha e envelhece. Com isso, é também possível citar que, além da recuperação interna do organismo, pessoas que abandonaram o consumo de álcool tendem a passar por uma impressionante recuperação de todo o corpo, apresentando aspectos de rejuvenescimento e saúde.

Parar completamente com os maus hábitos chega a quase ser impossível para algumas pessoas, mas passe a mudar lentamente suas atitudes e como tempo verá que seu corpo e sua saúde vai se recuperar e até mesmo chegar a um estado que nunca pôde estar antes, alimente-se bem.

CategoryDicas
Todos os Direitos Reservados © 2017 Athletics Sports desenvolvido por: E-Consulters Web